domingo, 27 de março de 2016

Gishin Funakoshi executando o kata Tekki Shodan

Vídeo histórico que registra lendário Mestre Gishin Funakoshi, fundador do estilo Shotokan, executando o kata Tekki Shodan. 


terça-feira, 12 de janeiro de 2016

Karate kid, como estão os atores do filme?

Já se passaram muitos anos, mas um filme que ficou para sempre no coração e na memória do público foi o filme Karate Kid- A hora da verdade. Esse filme ajudou muito para a divulgação do Karate para aqueles que não conheciam e semeou no coração das crianças uma emoção muito grande através da história de superação do mocinho do filme, afinal de contas quem nunca repetiu aquela cena final do chute que decidiu a luta.
Hoje em dia tem-se falado muito sobre o Bullyng, na década de oitenta ainda não existia esse termo, entretanto o tema foi abordado nesse filme mostrando como o personagem Daniel Larusso sofre agressões vinda de seus colegas de escola. Graças aos ensinamentos de um mestre sábio (Myagui) ele supera seus adversários e sagrar-se campeão de Karate.
Anos mais tarde foi lançado um novo filme que repetiu o enredo de sucesso do primeiro , entretanto apesar do nome o protagonista aprendia Kung-fu e não Karate.

Pat Morita - (Mestre Miyagi) chegou a ser indicado ao oscar de melhor ator coadjuvante. Faleceu em 2005.

     
Chad McQueen - ( Aluno Cobra Kai)trabalhou em alguns filmes, depois se tornou piloto de motocross e depois abriu uma loja de customização de motos.

Martin Kove - (Líder Cobra Kai) deu continuidade a carreira de ator, atuou nos filmes: "Código de assassinos"(2002) e Snapshot (2014).


Ron Thomas - (Aluno Cobra Kai) parou de atuar em 1987, ele era faixa preta na vida real. Ele passou a fazer palestras e treinar atletas. 


Willian Zabka - (O Vilão) continuou a carreira de ator e também trabalhou como escritor e produtor de filmes.



Randee Heller - (mãe) deu continuidade a carreira de atriz.

Elisabeth Shue - (Ali Mills) deu continuidade a carreira de atriz.

Ralph Macchio - (Daniel Larusso) continua trabalhando como ator.

Fonte
http://br-yahoocinema.tumblr.com/post/127007036931/por-onde-anda-o-elenco-de-karate-kid

Bunkai Tekki shodan

O vídeo é um pouco grande, mas eu achei bem interessante. No início do vídeo o kata é exibido e no final do vídeo é feito o bunkai.


quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

WKF libera lista de equipamentos aprovados de 2016 - 2019

O texto é em inglês, mas dá pra ver com clareza as marcas que vendem material homologado pela WKF e a lista de materiais obrigatórios e os recomendados para a prática do Karatê. Pra você que pensa em competir em alto nível a partir de 2016 é bom já ir se programando.

domingo, 27 de dezembro de 2015

História do Karatê Shotokan

Palavras-chave: karatê, história e Gishin Funkoshi.

Estudos indicam que o berço das artes marciais orientais foi a Índia. O monge Bodhidharma saiu da Índia em direção a China e levou os seus conhecimentos sobre artes marciais para os monges do templo Shaolin monges esses que no momento e sua chegada não se encontravam em uma boa condição de saúde devido as muitas horas que eles passavam imóveis meditando. Para sanar esse problema Bodhidharmama implementou uma rotina de exercícios para o desenvolvimento da alma e do corpo dos monges. Esses ensinamentos se espalharam até chegar em Okinawa.
Após  unificação de Okinawa foi feita uma lei onde era proibida a utilização de armas, com isso combate desarmado ganhou espaço como única forma de defesa, entretanto também sua prática era reprimida pelos governantes.
Com o passar do tempo o Karatê saiu das sombras e floresceu muito devido ao trabalho de Gishin Funakoshi, que trabalhou muito para a divulgação e estruturação do Karatê, através de diversas ações dentre elas: a implementação como disciplina nas aulas de Educação Física em escolas, através de seu livro (Karatê Kyohan) e a sistematização de métodos de treinamento com a inclusão dos estudos dos fundamentos e Kumite (o Kata era o único método utilizado para o treinamento).
O Karatê conseguiu projeção internacional graças as exibições e as interações dos mestres com militares que vinham estudar artes marciais, e com isso ajudaram a divulgar o Karatê em seus lugares de origem.

Referências
NAKAYAMA, Masatoshi. O melhor do Karatê: Visão abrangente das práticas. 8. ed. São Paulo: Cultrix, 2012.
FUNAKOSHI, Gishin. Karatê-do Kyohan: o testo mestre. São Paulo: Cultrix, 2014.